Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vazia


deito-me nua
à terra.

Em pó
a carne
o tempo desfaz.

Vazia.

Só.

Em ossos
         ocos
a aranha
            lá
tece.
Deito-me nua
na cama de pó.
              Sem ti.
Na noite húmida,
tombo.

Só.

Ana Mª Costa
Ana Maria Costa
Enviado por Ana Maria Costa em 06/01/2006
Código do texto: T95247
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ana Maria Costa
Portugal, 50 anos
152 textos (6923 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:41)
Ana Maria Costa