Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Caminhos

Andei por esse mundo dos sentimentos
Este vasto,perigoso e misterioso lugar
Em que o maior inimigo é você mesmo
Que faz de tudo para moldar algo perfeito
E de tanto esculpido,se torna grande demais
Para ficar somente nas suas mãos

Por que o tive,aquele crepúsculo
Este monstro que agora segue-me toda a vida
"Vai-te com tua dona,não o quero"
Convensa-me que não preciso de ti
Hó cancer perjorativo
Pois se doente fico e estou sozinho
Que a morte fassa-me companhia

Que caminhos são estes,perversos
Pervertidos,por uma vida certinha
Planejada e toda pesada que preparei
E que agora só me tráz prejuizos
Pelo misterioso e místico destino que o trouze
Leva-o tira de mim essa doença
Arranca o pedaço se preferir
Prefiro ficar sem o coração
A te-lo por meio,por pedaços

O que me aconselhas,sábio
Que tente de novo e mais uma vez
Já o fiz e olha o que me fez
Estou aqui,diante de ti
Ainda pior que antes
Pois antes havia-me esperanças
De encontrar alguém como ela
E que retirasse-a de mim,que tolo
Não pode ser feito, impossível
Porque não é o corpo,ou minh'alma
És o que sou de tudo,és meu espíruto

O que fazer então,ajuda-me
Andei com outras pessoas,outros"amores"
Para tentar substituir o que parecia risório
Que palhaço fui e sou
Não a tive em meus braços,que pena
Misturei sua exência a minha e bastou-me
Fomos e seremos um só
Enquanto um de nos ainda viver e levar esta esperança
Alimentando o que vivemos
Que foi mais que divino

Na agonia do tempo, FIQUEI
Como um preguiçoso, ACEITEI
Sua ausência, SUCUMBI
Seu rosto, MULTILEI
Seu olhar, ESCURECI
Nosso carinho, ESFARELOU-SE
Das lembranças, LIVREI-ME
Nossos momentos, ESQUECI
Fazendo isso a vida FUGIU-ME

Tolos são aqueles que vêem a vida passar e não se movem
Foi o que fiz,conformei com o que já tinha vivido
E acabei sozinho.
ghost
Enviado por ghost em 08/01/2006
Reeditado em 27/03/2011
Código do texto: T96182

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ghost
Goiânia - Goiás - Brasil, 30 anos
11 textos (570 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:48)
ghost