Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Morte na praia


"O pranto consolador
veio a tona sem titubear
Veio sem rodeios,
esmagador
a andorinha encarecida
libertar.
E as emoções dantes
corroíam a alma
e as raízes de amantes
tiravam a calma.
A paz de espírito demorou-se
e o velho verso em poemeto tranformou-se:
"É impossível contestar,
mas as mesmas ondas
jamais voltam
pro mesmo mar..."
Andrea Sá
Enviado por Andrea Sá em 14/01/2006
Código do texto: T98737
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Andrea Sá
Irati - Paraná - Brasil, 26 anos
198 textos (7791 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:28)
Andrea Sá