Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

De olhos bem fechados!

Posso ver nosso início; o meio...
Mas, não vejo futuro pro fim!
De olhos fechados, contemplo,
nossa explosiva paixão!
Lembro-me da euforia,
a cada frescor da manhã!
E a adrenalina, do anoitecer!
A cada troca de olhar;
o disparar, de um coração antes solitário!
Encontros...
Segredos...
Então compartilhamos, um turbilhão
de emoções incoerentes, e contraditória
a minha pujante solidão!
Então a dor!
Chegou o amor!
E com ele, a certeza do impossível!
Pois só de olhos bem fechados;
posso sonhar com você!
Ao abrir meus olhos;
vejo o abismo que há entre nós...
E a certeza, que esse amor,
condenado está;
ao triste fim dos amantes!
Adriana Mallet
Enviado por Adriana Mallet em 17/01/2006
Reeditado em 19/03/2006
Código do texto: T99893

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Adriana Mallet). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Adriana Mallet
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
168 textos (22427 leituras)
2 áudios (370 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:33)
Adriana Mallet