Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IRMÃ DULCE

Sua obra é eterna e nobre,
O seu nobre ministério,
Sempre a serviço do pobre,
Fez do amor o seu império.

O amor foi sempre o seu mistério,
Como a eterna luz da divindade.
Do seu humilde e santo relicário
Veem as bênçãos da eternidade.

Tinha por templo a caridade,
Por símbolo a fé e o puro amor.
Seu sorriso era pura bondade,
Igual o desabrochar de uma flor.

Sua vida foi sempre à santidade,
Como um anjo a serviço de Cristo,
Com imenso amor e humildade.


                    Salvador-Ba, 22/05/2005
                     Everaldo Cerqueira


Publicado:
Antologia Escondidos Sob o Luar, página 74, Editora Brado das Letras - São Paulo/Santa Catarina - 2a Edição - 2009)
Vendas: www.academiadeletrasbr.com
Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos - volume 54°

     
EVERALDO CERQUEIRA
Enviado por EVERALDO CERQUEIRA em 03/03/2006
Reeditado em 02/07/2009
Código do texto: T118037
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
EVERALDO CERQUEIRA
Salvador - Bahia - Brasil
91 textos (79215 leituras)
1 e-livros (187 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:41)
EVERALDO CERQUEIRA