Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR IMORTAL

Tantas vezes de vidas me despedi,
e o último suspiro era sempre doce prece
a Deus para que em outra existência eu pudesse,
reencontrar o grande amor que um dia vivi.
E vaguei por turbulentas reencarnações,
tive amores passageiros, sem emoções,
à espera de que meus sentidos fossem capazes
de reconhecer o meu amor imortal,
mesmo preso em invólucro carnal
diferente do que antes possuía.
Ainda assim minh’alma o reconheceria
porque em seus olhos resplandeceria
a luz do sentimento que nos uniu, de verdade,
por toda a eternidade...

01/08/03.
Maria Hilda de Jesus Alão
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 23/04/2005
Código do texto: T12662

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Hilda de Jesus Alão
Santos - São Paulo - Brasil
848 textos (343096 leituras)
19 áudios (10579 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:26)
Maria Hilda de Jesus Alão