Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Abras os Olhos


Nada é mais gratificante
que ver alguém submergindo da escuridão
apenas por haver acreditado na existência da luz.
Ela sempre esteve presente...
Confia e segue teu caminho de paz.


Quando ouvires do teu coração
que não há nenhuma necessidade em te preocupares com a vida,
ele apenas quer que compreendas,
que nada é tão sério a ponto de te perderes para sempre da tua divindade,
ficando condenado a não ver mais a luz que é tua por natureza.


Para qualquer opção errada que tenhas feito.
Existe sempre uma nova escolha.
Tudo pode ser mudado,
àquilo que realmente necessitas viver.


Verás que a sabedoria milenar está contigo,
conduzindo-te momento a momento
se estiveres atento a ti mesmo.
Não te preocupes.


Quando o vazio instalar-se em teu peito,
dando-te a sensação de angústia e esgotamento, repara tua atenção
e encontra em ti mesmo a compreensão para este estado.

É necessário descobrirmo-nos em tais estados,
para que estes não se transformem no desconhecido,
no incontrolável,
para que tenha presente em ti à alegria de ser e estar.

A prioridade é que tu encontres novamente a tua essência
Não há pressa,
quando a lentidão dos dias acomodarem tua vontade,
enlaçando-te com os nós da intranqüilidade,
descansa e refaz tua energia.


Fica na companhia do teu coração,
e este indicará o momento apropriado para agires.
Permitas apenas ser, apenas estar,
quando não há mais nada a ser feito,
quando não há nada mais a ser dito, silencia.

Tu só tens que abrir os olhos!...


Ivete Tayar
(autora) 



Respeite os Direitos Autorais
Lei nº 9.610













Ive
Enviado por Ive em 18/05/2006
Código do texto: T158298
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
217 textos ( leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:48)