Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Andorinha, Andorinha


Andorinha, mas por que cantas assim?
Cantas a tristeza de uma derradeira lágrima?
Ou cantas a tão sonhada felicidade clárida?
Andorinha, não sois bem-te-vi nem querubim,
Belo passarinho, explicas isso pra mim,
A fim de que possa encontrar a paz, enfim.




Todos os Direitos Reservados pelo Autor.
Fábio Pacheco
Enviado por Fábio Pacheco em 18/08/2006
Reeditado em 18/08/2006
Código do texto: T219022
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Pacheco
Recife - Pernambuco - Brasil
1095 textos (55961 leituras)
10 áudios (233 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 14:46)
Fábio Pacheco