Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


  NOVOS TEMPOS


 
Corre ligeiro,
ninguém o alcança...
Avança por estradas,
cruza pontes,
descortina horizontes.
 
Tudo constrói e destrói
ao seu contento.
Pode ser alvissareiro,
alegre e brejeiro,
mas também é portador
de missivas de dor
e momentos de saudades.
 
É como a fina areia
que por entre nossos dedos escorre,
sem que haja como impedir...
 
Sempre a correr
ele passa pelo homem
e faz com que ele também passe...
 
Há uma estação onde o tempo é diferente,
mas para merecê-la é imperativo,
muitos períodos de vivência
em busca de crescimento
e conhecimento.
 
Nesse espaço, a vida segue sem tempo
e se pode tocar o vazio,
preenchendo-o de esperanças
na alegria do aprendizado...
 
Na mesma estrada, após muitas jornadas
há um tempo, entre a luz e as sombras,
que nos conduz a um outro tempo...
 
Lá, os tempos se juntam
fundem-se num só,
presente, passado e futuro...
 
A matéria se desmaterializa
e a alma se abriga
num novo templo... A Eternidade!
 
Em seus braços, o abraço da Paz,
de um tempo de Luz
que nunca se desfaz...
 
2005

Anna Peralva
Enviado por Anna Peralva em 23/08/2006
Reeditado em 22/10/2009
Código do texto: T223744
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Peralva
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1582 textos (60700 leituras)
3 e-livros (572 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 14:37)
Anna Peralva