Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dizeres à guisa de votos



as almas
não discursam
faltam-lhes o verbo
e a culpa

almas são assim
transeuntes
nada do que não seja
lhes assume
porque em vê-las
assim avulsas
a ninguém é dado
o seu trânsito

as almas
não se matam
faltam-lhes a parcimônia
e a prática

almas dizem-se assim
de distantes e de baldias
e nem as rezas lhes cobram
alguma serventia
por não tê-las acesas
nas desoras dos dias





Aurélio Aquino
Enviado por Aurélio Aquino em 11/10/2006
Código do texto: T262243
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aurélio Aquino
João Pessoa - Paraíba - Brasil, 64 anos
375 textos (11645 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:08)
Aurélio Aquino

Site do Escritor