Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fundo Do Poço

Desci ,desci, desci
Ao mais fundo
Que podia ir
Cheguei nas profundezas
De minh`alma

Paisagens tristes, eu percebi
Pouca beleza havia ali
Ressentimentos pude avistar
O esgoísmo nem quis olhar

Não muito longe, pude encontrar
O meu orgulho a me chamar
Pensei que era a traição
Que machucava meu coração

Mas adiante, eu tropecei
Em algo estranho, sem entender
E um barulho pude escutar.
Era a minha raiva a bravejar.

Depois de tanta poluição
Senti um aperto no coração
Alguma força veio de dentro
Calou-me forte e disse então

Estás vendo agora
O que fazes dentro de ti?
Agora é a hora!
Eis o momento de decidir

Apague estes vícius
Que estão a te incutir
Idéias estranhas
A te perseguir

Peça ajuda que ela virá
Do ponto mais alto
Para te iluminar




Fascinação
Enviado por Fascinação em 25/11/2006
Reeditado em 08/05/2013
Código do texto: T300917
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fascinação
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
178 textos (10530 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:32)
Fascinação