Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonhando com o Amor

Um dia em seu leito prestes a morrer entenderá as palavras deste que por vezes achaste louco.
Verás que dentro de toda tua racionalidade nada neste mundo e real.
Você que por diversas vezes julgastes aquilo que via, jamais viu além de aparências.
Pois vistes com os olhos nunca com o coração.
Jamais entendeu porque larguei tudo, para estar entre doentes, excluídos, maltrapilhos e mendigos.

Mas saciarei a tua dúvida, e direis quem sou:

Sou sentimento vivo
Que morre em carne, nasce em espírito
Chama que o vento não apaga
Luz que o tempo não cala

Um olhar apaixonado
Abraço de um pai emocionado
Lágrimas de uma mãe
Saudades pelo ser amado

Pertenço às estrelas
Vivo no universo
Estou em tudo sou elemento puro
Centelha divina, água limpa e cristalina

Verdade que liberta
Tão logo incendeia desperta
Amor que volta a unidade
Por escolha e vontade.

Assim talvez entenda
Que não é o homem que sonha amar
E o Amor,
Que sempre com o homem esteve a sonhar.

                      Faz o que tu queres há de ser tudo da lei
                          "O amor é a lei, amor sob vontade"
dos Santos
Enviado por dos Santos em 27/08/2007
Reeditado em 07/02/2009
Código do texto: T625655

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
dos Santos
São Paulo - São Paulo - Brasil, 11 anos
369 textos (66457 leituras)
7 e-livros (1289 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 14:12)
dos Santos