Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A EXPIAÇÃO E REPARAÇÃO

(A EXPIAÇÃO E REPARAÇÃO)


Um castelo esplêndido, da Idade Média,
Famoso por suas formas arquitetônicas
Em seu interior, muito doente,
Seu proprietário agonizava,
Fora dono de extensos domínios,
Da mais fabulosa fortuna latente,
De nada valeria esta riqueza...
Em espasmos intensos de agonia...
Aquele homem dirigia um último olhar
Para seu brasão invicto, nobre e glorioso,
Insculpido nas fulgores realezas
De sua fortaleza e na beleza
Formada por seu castelo formoso,
Transbordante de inúmeras glórias
Como também de riqueza...
Esse pobre homem alongando,
Um pouco mais a sua vista,
Pode ver o feito da sua maior conquista
Nas imensas searas em que era dono
Mas com suas mãos cruéis,
Mãos destruidoras...
Sacrificando muitas almas sofredoras...
Visualizou sua fortuna, a glória apetecida,
Tesouros fanados e passageiros...
O castelão em espasmos
Cruéis e derradeiros,
Como seu opressivo coração
Imergindo num pranto profundo...
Feneceu, expirando para o mundo
A sua alma despida das grandezas
Terrenas, efêmeras realezas.
Após vários anos de letargia
Certo dia foi despertada para novamente
Renascer em outro corpo
E cumprir assim o desígnio divino

tancredo
Enviado por tancredo em 25/10/2005
Código do texto: T63490
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tancredo
Valença - Rio de Janeiro - Brasil, 76 anos
118 textos (65159 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 05:12)
tancredo