Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SE EU PUDESSE

SL.    C.ROL


Se Eu Pudesse Atuar - crol


Se eu pudesse atuar, mandar neste mundo,
do jeito que penso, do jeito que sou,
tudo eu faria para o mundo mudar.

Ditaria normas bem claras,
dizendo da vida, explicando a morte,
ensinando a todos o modo de amar.

Mudaria as normas de convivência,
criando no homem o equilíbrio total,
para que todos entendam o bem e o mal.

Ditaria preceitos bem claros
da vida harmônica em tudo que há,
haveria, então, amor e poesia para viver e falar.

Acabaria com toda maldade,
através do saber e da compreensão
e todos os homens seriam como irmãos.

Acabaria com toda pobreza,
dividindo tarefas e toda riqueza,
assim haveria o  equilíbrio, comida na mesa.

Acabaria  com dores, angústias,
fiel companheira de toda loucura,
mudaria todo o mundo em sua estrutura.

Acabaria com dores, doenças e sofrimento,
e, conseguindo o equilíbrio,
haveria paz, amor e entendimento.

Mandaria extirpar toda loucura,
que cedo macula a felicidade
e, acabando com a dor, se restabeleceria uma nova idade.

Porém sei que nada se muda com simples decreto,
pois o equilíbrio do mundo somente se faz
quando se tem consciência do errado e do certo.

E assim, no desejo da eterna procura
de quem busca no amor alegria e ternura,
só encontra a morte quem a ela procura.

Se eu pudesse agir como os deuses,
criando, plasmando com meu pensamento,
haveria a plena alegria, prazer e contentamento.

E, mesmo assim, sem nada poder
mudar neste mundo para sua melhoria,
resta-me nascer, crescer e viver, fazendo poesia.





VEM - 08/04/02




Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 27/11/2005
Reeditado em 14/08/2008
Código do texto: T77334
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (110805 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:54)
Vanderleis Maia