Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Alma Distante

Um corpo frio e inerte,
A dor que dilacera o peito,
Faz a face ficar lívida,
Os olhos estáticos,
Perdidos no choro da alma.

A alma dilacerada,
Parte sem rumo,
Náufrago,ressaca do Ser,
Caos interior,
A noite cai...

Onde estou?
Olho e não me vejo,
Meu corpo sofre,dói,
A lágrima secou,
Perdida no choro da alma.

Alma distante,
Um corpo frio,
Sem vida,
sem sorrisos,
Onde estou?

Syl Signoretti
Enviado por Syl Signoretti em 13/01/2006
Código do texto: T98279

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Syl Signoretti
Itajubá - Minas Gerais - Brasil
933 textos (89319 leituras)
76 áudios (9216 audições)
1 e-livros (309 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:56)
Syl Signoretti