Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEDITAÇÃO ( POEMA EVANGÉLICO IMPREGNADO DE PAZ CELESTIAL)




                                                                 

                                                             “Eis que estou à porta e bato; se
                                                             alguém ouvir a minha voz, e abrir
                                                             a porta, eu entrarei em sua casa,
                                                             e cearei com ele, e ele comigo”
                                                                                                                                Apocalipse 3.20



               Medito em meu Senhor nas horas calmas
               Silentes e de todo abandonadas...
               Que paz!... Quanta ventura!... Essas jornadas
               Clareiam, edificam nossas almas!

               Medito e meu Senhor na solidão
               Ouvindo tão somente a voz macia
               Suave e doce, plena de poesia:
               Escuto a voz de Deus no coração!

               No entanto, a noite passa e a madrugada
               Me faz lembrar que, em breve, essa jornada
               Em face de uma aurora pressentida

               Irá se interromper por um momento:
               - Mas quanta luz me envolve o pensamento!
               - Mas quanta luz permeia a minha vida!
               


CAVALAIRE
Enviado por CAVALAIRE em 22/01/2006
Código do texto: T102448
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CAVALAIRE
Alagoinhas - Bahia - Brasil, 57 anos
77 textos (10064 leituras)
2 e-livros (143 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:40)
CAVALAIRE