Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTEVÃO


 Jorge Linhaça
 
 
Crescendo o número de discipulos
houve entre eles uma mormuração
sobre o ágape santo distribuido
havendo entre eles discriminação
 
Os apostolos se pronunciaram
reunindo toda a congregação
Não correto eles acreditaram
se envolverem naquela questão
 
" Escolhei pois entre vós
  varões cheios do Espírito
  Que então no lugar de nós
  Resolvam esse conflito"
 
Esse apóstolico parecer
agradou assim a multidão
que foi os homens escolher
Sete, entre eles Estevão
 
Apresentados aos apóstolos
estes lhes impuseram as mãos
saudando-os com santo ósculo
lhe designaram aquela missão
 
E crescia naqueles tempos
entre eles a palavra de Deus
existindo entre os santos
muitos dos sacerdotes judeus
 
Estevão cheio de Espírito fé e poder
Grandes prodigios entre o povo fazia
Intentaram entãounidos a ele deter
Libertinos, Cirineus e os de Alexandria
 
Não podendo resistir à sua sabedoria
Subornaram  homens sem alento
Para dizer ao conselho que ele dizia
blasfemias contra Deus e o templo
 
No entanto levado ao conselho
sem demonstrar ele qualquer temor
Discursou Estevão o evangelho
rosto como um  anjo em explendor
 
Falou-lhes dos antigos profetas
Abraão,Isaque ,Jacó e José
Moisés ,Davi,Salomão,etcetera
E de sua grande e poderosa fé
 
Homens surdos, incircunsisos de coração
De dura cerviz ao Espirito sempre resistiz
A qual profeta seus pais não perseguiram
Por pregarem eles a vinda do Justo petiz
 
Traidores e homicidas sois em vosso coração
Mataram eles os que previam o Salvador
A lei recebeste por angelical ministração
Mas não a guardaste por puro desamor
 
Enfurecerian-se eles a ouvir tais palavras
Rangiam dentes contra o diácono Estevão
Mas este cheio do Espirito Santo clamava
Em meio a uma gloriosa e divinal visão
 
Eis que vejo Jesus Cristo à direita de Deus
Essas palavras feriram,os ouvidos dos judeus
Gritaram om grande voz e os ouvidos taparam
E lançando dele mão, fora da cidade levaram
 
Depuseram suas vestes aos pés de um Saulo
Apedrejado Estevão,entregava o Espírito
Rogando ainda perdão para esse ato iníqüo
Adormecia Estevão,despertaria um tal Paulo
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 05/05/2006
Código do texto: T150543
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 55 anos
3723 textos (711056 leituras)
95 áudios (13093 audições)
1 e-livros (277 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:32)
Jorge Linhaça