Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÁGUAS

Ah meu Deus,
como é bom!
vem do céu este dom
preservemos este bem
é feliz quem o tem.

Água que vem da fonte 
descendo o monte
som de cascata
água que mata a sede
e sustenta o verde
de nossas matas
água lá da nascente
água corrente
água parada
água de chuva fina
bem cristalina
água empoçada
água de ribeirão
fecundando o chão
respeitando a vala
brava água de enchente
ensinanda a  gente
a respeitá-la
água vem e inunda
água profunda e água rasa
água de oceano
água no cano
de nossa casa

Água jorrando ã tôa
água de lagoa
ou de tempestade
água que se faltar
pode devastar
a humanidade
rio dfe águas claras
paisagem rara
no centro urbano
água em desperdício
é o suicídio
do ser humano
água de corredeira
na cachoeira em queda livre
água vem e desagua
por que sem água
nada sobrevive
água de temporal
corre por igual
fecundando a serra
curso de água doce
é como se fosse
o sangue da terra

Ah meu Deus,
como é bom!
vem do céu
este dom
preservemos este bem
é feliz quem o tem.


(texto musicado por José Alves)

silasol
Enviado por silasol em 11/07/2006
Reeditado em 23/07/2006
Código do texto: T191648

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (CITE O NOME DO AUTOR E LINK PARA A OBRA ORIGINAL). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
silasol
Sabará - Minas Gerais - Brasil, 65 anos
653 textos (73330 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:56)
silasol