Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Chove chuva

Pudesse chover de novo em minha vida
choveria onde as pedras não sonharam
sonhos de plumas esvoaçados na avenida,
que do chão'o céu levitam e não param!

Hei de só treinar muito sonho colorido
para viver alegria três vezes intensa,
do ontem ido de hoje a'amanhã chegando,
quanto mais felicidade,mais alma mansa!

Eu sonho mesmo,não importa a alienação,
a fuga doida que parece efêmera loucura
é remédio que aumenta a chama da emoção
trazend'o paraíso na terra feit'aventura!

E quando as minhas pedras sonharem mel,
haverá encontro da maré doce com o céu,
rios de águas moles banharã'os corações,
inundando-os com inesquecíveis canções!

Santos-SP-19/07/2006

Chuva querida, não foss'esse tal frescor,
não acordaria meu sonho com tanto sabor ,
não teria eu estes versos molhados de cor,
tão pouco três vezes o meu sublime amor!

Santos-SP-19/07/2006
Inês Marucci
Enviado por Inês Marucci em 19/07/2006
Código do texto: T197191
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Inês Marucci
Santos - São Paulo - Brasil, 54 anos
584 textos (23411 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:12)
Inês Marucci