Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ainda é Natal

Quero abrir a porta do meu coração
É Natal...
Vem e compartilha comigo da ceia
Meu desejo de mudança
Minha esperança
Esquecer meu lado carnal
Juntemos ao meu amor sagrado - nossas asas
Podemos voar
Alçar vôo em busca da nossa melhor parte
Não espere este pouso, em meu corpo passageiro
Espera essa paz, no meu Ser inteiro
Vem, sem exigências e cobranças
Encontro-te também sem nada pedir
A não ser...
Vem, é Natal
Quantos natais longe de ti
Ainda consigo ser pura
Banhei-me de pó-de-arroz
Perfumei meus cabelos com alfazema
Laço de fita e diadema
Redimi minhas culpas, no teu nascimento
Vem
Preciso deitar minha cabeça
Acordar para sempre
Sem mais dormir
Vem!

Verônica aroucha
12/12/2005
Verônica Aroucha
Enviado por Verônica Aroucha em 13/02/2006
Código do texto: T111175

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Verônica Aroucha
Recife - Pernambuco - Brasil
122 textos (7751 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:01)
Verônica Aroucha