Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NOSSO DIA

Comecei a pensar no Dia dos Namorados
O "nosso dia"!
Então fiquei assim, à toa
Sem perceber nada ao meu redor
Desligada, indiferente, rindo
Só lembrando da gente...

Ouvindo a tua voz aqui pertinho
Sussurrando baixinho palavras que é só carinho
Dizendo que me ama
Que igual a mim não há
Confessa que me magoa quando está zangado
Mas que nada tem a ver com o que sentes

Nesse teu jeito manhoso, gostoso
Moleque e brincalhão, tal qual criança!

As vezes, acredito que nem gostas de mim
Pareces um homem cruel
Mas ao olhar bem em teus olhos
Percebo que és tu quem estás aqui
E me amas sim!

Acalmo o meu coração, ajunto os meus pedaços
E jogo-me em teus braços!

Assim, caímos juntos na cama e aí tudo emana...
Do cheiro ao gosto, do toque ao prazer, do gozo ao êxtase!
Então, você diz que me ama
Que eu sou cheirosa, gostosa, deliciosa!
Fala que estou bonita
Que tenho porte de mulher grande, elegante
Mas sob o teu corpo eu fico minúscula...
Uma pequena insaciável!

Ficamos anestesiados, largados, excitados sobre o leito
Então fantasiamos situações
Modificamos posições
Ensaiamos novas falas

Bobos! Não precisamos de nada disso...
O nosso amor dá-nos essas condições todas!
Nos encaixamos e nos completamos
Meus lábios estremecem ao teu leve toque
Meu corpo todo explode em gozo de alegrias
E a tua respiração torna-se ofegante...

Teus gemidos denunciam o teu prazer
Nos tornamos animais vorazes
E o nosso olhar foge rápido do ambiente!
Ah, nada melhor que a tua companhia...
Gosto muito quando fico assim:
Pensando em ti, em nós...

Descubro que ninguém te conhece como eu
Porque tu te entregastes inteiro para mim!
Despiu-se de tudo e mostrou-me a tua alma
Esse teu coração de “Romeu” que só bate pela “Julieta”
Igualzinho ao meu, vivendo de sonhos e ilusões...
Porisso...há dias que estou assim...

Demente, ausente, nas nuvens!
Só pensando nesse "nosso dia”...
E já começo a sentir saudades dele
Que de tanto amor, perdura pelo ano inteiro
E nos leva à loucura, pelo puro prazer de amar!
Porque o nosso namoro é que nem àquele
Do “Romeu” com a “Julieta”...
Para a vida inteira!
Laura Limeira
Enviado por Laura Limeira em 12/06/2006
Código do texto: T174421
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Laura Limeira
Recife - Pernambuco - Brasil
62 textos (3168 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:18)
Laura Limeira