Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tantos amores

Quantos amores foram preciso para mim chorar?
Quantos amei?
Nem sei,mas os amei como se fosse o primeiro de tantos amores
As ilusões marcaram,as decepções me fizeram compreender que um dia tudo acaba
A cada recomeço o sorriso brilhava a felicidade comigo outra vez estava
Quantas vezes me encontrei com a solidão para ver se ela então me abraçava e libertava minhas dores
Não sei o quanto sonhei e achei que seria eterno,nem explicar o que eu sentia em cada um deles
Tanto aprendi,como fazer algúem sorrir e fingir que não doia quando algum partia
Marcaram minha vida,teceram minha história,ficaram na memória sem que o tempo podesse leva-los embora
Borboleta da noite
Enviado por Borboleta da noite em 04/07/2006
Código do texto: T187367
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Borboleta da noite
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 30 anos
320 textos (14226 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:08)
Borboleta da noite