Capa
Cadastro
Textos
┴udios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma rosa da Avˇ

O tempo tratou
de curar a
saudade
do tempo
passado
contigo.

Quanto amigo
se foi.
E quanta amizade
se fez

entretanto

num canto
escondido
da minha memória,
vejo crescer,
carinhosa,
uma rosa
encarnada.

Nos últimos dias,
por vezes aberta,
por outras fechada.

Sem nunca murchar.

Tentei indagar
a razão.

Porquê encarnada?
Porquê ainda vive
se para a manter
não fiz nada?

Podes crer
meu irmão.

Foi carinho
da Avó.
Foi geito
que deu
quando a pôs
no meu
coração.
Manuel Paulo
Enviado por Manuel Paulo em 23/08/2006
Cˇdigo do texto: T223630
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Manuel Paulo
Portugal
29 textos (688 leituras)
(estatÝsticas atualizadas diariamente - ˙ltima atualizašŃo em 09/12/16 03:49)
Manuel Paulo