Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

l á g r i m a s

Penetram-me que nem agulhas,
Mancha a minha alma.

Não aguento muito mais esta tortura,
À qual chamam vida.

Pesadelo constante,
Perguntas reditas frequentemente.

Massacres constantes,
Espezinhar carne está nas tuas veias.

Deixa-me viver,
Sonhar!!!
Isabel Fontes
Enviado por Isabel Fontes em 28/08/2006
Reeditado em 05/09/2006
Código do texto: T227213

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Isabel Fontes
Portugal, 41 anos
417 textos (61571 leituras)
9 áudios (676 audições)
3 e-livros (266 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:12)
Isabel Fontes