Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VELHA MOENDA

Velha moenda apodrecendo na tapera
Tens uma história parecida com a minha
Vou remoendo a saudade dos bons tempos
Enquanto um grande amor a meu lado inda tinha!


Velha moenda, carcomida pelo tempo
Estás jogada, ninguém te quer mais
Eu também vivo abandonado pela sorte
Não sei porque ninguém quer mais me amar!

Há quanto tempo a moenda já não roda
Há quantos anos estou sem meu amor
Enquanto a moenda vai caindo aos pedaços
Eu vou morrendo, sufocado pela dor!
Carvalho Santos
Enviado por Carvalho Santos em 01/09/2006
Código do texto: T230380
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carvalho Santos
Salesópolis - São Paulo - Brasil, 67 anos
42 textos (4526 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:02)
Carvalho Santos