Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cinza é a calçada

Cinza é a calçada, cingida de nevoeiro
cinzento. A pedra é o eco do tempo.
Rematada no frio do cimento oco
vazio na vã tentativa de monumento.

As casas são antigas na fralda do vento.
Que dizer dos olhos estáticos da velha
que fulminam a viuvez do momento?
Nos dedos franzinos garras de ave

Rapina cada instante dos seus medos.
A solidão é escondida na recordação
dos conhecidos que se foram dos dedos

habitam o sorriso da sua imaginação.
Uma chaminé, ainda alta, debita fumo.
Exala a refeição ruidosa de crianças

que governam o mundo. Já não estão.


Luís Monteiro da Cunha
Luís Monteiro da Cunha
Enviado por Luís Monteiro da Cunha em 08/10/2006
Código do texto: T259254

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Luís Monteiro da Cunha). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luís Monteiro da Cunha
Portugal, 54 anos
36 textos (837 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 11:47)
Luís Monteiro da Cunha