Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"Tempo de criança"

Tempo de criança
 
Das histórias que ouvia
Quando criança eu queria
Não era do João e Maria
Que a todas embevecia
Mas eram de assombração
Dos escuros, das almas penadas
Das casas mal assombradas
Eram todas minha paixão...
 
De olhos arregalados
Cabelos arrepiados
Ouvia com atenção
Tudo aquilo que contavam
Passava o homem do saco
Carregando as criancinhas
Aquelas que não queriam
Comer todas suas papinhas...
 
Mas era da Mula sem Cabeça
Do Homem da Capa Preta
Dos lobisomens gelados
Dos assovios escutados
No corpo, era tremedeira
Era tudo que eu queria
Todas de qualquer maneira...
 
Não queria ser a cigarra
Que cantava a vida inteira
Não queria o lobo mau,
Comendo a vovozinha
Também não a fada madrinha
Com sua mágica varinha
Transformando minha vida todinha...
 
Eu via era a danada da Mula
Correndo na mata escura
Via também uma figura
Era o Saci-Pererê
Que coitado! Tinha peninha,
Pois só tinha uma perninha...
 
Das almas, eu via as sombras
As risadas e o choro alto
Ouvia as gargalhadas
Durante a madrugada,
Trazendo-me em sobressalto
Olhos abertos, mas extasiada...
 
No final via a Mãe D'água
Com um sorriso, chamando
A todos pra acompanhá-la
Para as profundezas do lago
Fazendo-me chorar, com medo
Querendo e me apavorando...
 
São lembranças de uma criança
Que gostava do absurdo
Das coisas enriquecidas
Das almas estremecidas...
 
Myriam Peres
Myriam Peres
Enviado por Myriam Peres em 22/07/2005
Reeditado em 22/07/2005
Código do texto: T36627
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Myriam Peres
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 86 anos
473 textos (54601 leituras)
5 e-livros (275 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 02:20)
Myriam Peres