Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

IMAGINANDO

Quando a vida, às vezes, levanta
O véu das lembranças guardadas
Imagino que são passageiros
De imaginário navio apontando
Na curva do horizonte.
Imagino aves barulhentas
Em vôo de boas vindas
Saudando as recordações
De tudo que já vivi.
Imagino as nuvens formando
Rebanho de alvos carneiros
Ou velames de muitos barcos,
Navegando entre rochedos,
Em direção a um porto seguro.
Imagino o teu contorno...
Não faço uso de lápis,
Não me faz falta o papel
Para desenhar o teu rosto
Na tela do pensamento.
E me vem cada detalhe,
Cada trejeito, o apertar dos olhos
E o movimento dos lábios
São as únicas coisas reais
No meu momento imaginário.
Volto meus olhos para o céu.
Imagino estrelas descendo
Como pequenos pirilampos
Formando um caminho de luz
Por onde hás de chegar...

27/08/05.
Maria Hilda de Jesus Alão
Enviado por Maria Hilda de Jesus Alão em 27/08/2005
Reeditado em 09/09/2005
Código do texto: T45508

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Hilda de Jesus Alão
Santos - São Paulo - Brasil
848 textos (343169 leituras)
19 áudios (10580 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:05)
Maria Hilda de Jesus Alão