Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Profissão Mecânico.

 Eu e Você...

Nesta manhã como tantas outras...
Ainda com o sol as escondidas,
Olhei ao redor e vislumbrei:
Cada canto de minha morada.

Pequena acolhedora sem luxo...
Na minha paz, senti sua falta,
Quando na madrugada você me chamava,
Angustiado e preocupado com o seu dia.

Ávido de poder na plenitude da vida...
Atendia a seu chamado e não discutia,
Deixava o aconchego da cama aquecida,
Alegre saia para mais um dia de trabalho.

Na minha paz, sentia sua falta...
Era dado a mim o que precisava.
Dádiva suprema em minha vida;
"O Trabalho"; seria tão breve...

Ele  me fazia vibrar de alegria,
Sem saber que meu tempo;
Na terra era curto por isso deveria ,
Ser ao maximo aproveitado...

Era um entusiasmo ouvir os motores,
Ruidosos, frequentes em meus ouvidos.
Era musica perfeita que eu ouvia,
Sem falhas, na perfeição respondia...

Peça por peça, aperto por aperto,
As arruelas trocadas, os parafusos.
Eu vibrava em sintonia com eles,
Vitorioso e felíz  eu me sentia...

O som ruidoso, ao apertar a ignição,
O pedal da embreagem, o aceledor;
A cada movimento via a esperança,
Cada peça ligada a outra fazia sentido.

O homem em comunhão com o outro,
É a mola propulsora do desenvolvimento.
O movimento da máquina que agora partia;
Seu endereço:_ a estrada, o acampamento.

A via seria expressa e duradoura;
Onde as riquesas seriam transportadas.
Sinto orgulho de ter trabalhado nelas!
Fomos vitóriosos, deixamos marcas...

                      em memória de Nelson mecânico da ENCALSO





Cilene de Castro Dano
Enviado por Cilene de Castro Dano em 01/09/2007
Código do texto: T634185
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cilene de Castro Dano
Presidente Prudente - São Paulo - Brasil, 74 anos
93 textos (5178 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 08:24)