Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MANGUEIRA





Final de inverno.
Precipita suas flores de beleza recatada,
de perfume sutil, simples aromatizante.
Inesquecível.


No tronco e galhos,
acalentou infantes de tempos dantes,
cativou com sabor de fruta que lambuza mãos e bocas,
e escorre pelos braços até as mangas.
Companheira.


Na infância ingênua,
um brinquedo doce.
Em tempos de maduro
ver as flores e sentir o perfume,
é lembrança
Doce. 


 Com autorização do autor : Paulo C. Rozeto.
Que apesar de ter partido, continua vivo em nossos corações. 
  

RoseRolim
Enviado por RoseRolim em 15/09/2007
Reeditado em 01/12/2010
Código do texto: T654048

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
RoseRolim
Manaus - Amazonas - Brasil, 71 anos
72 textos (5358 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/10/17 09:29)