Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LAPA

Vi corpos bailando.
Ouvi vozes de ontem,
em coro
de saudade,
de juventude.
Corpos e vozes
iluminados,
prateados
pela estrela boêmia,
pela estrela-menina,
pela estrela pulsante,
viva.
Viva em plena madrugada.
Madrugada malandra,
madrugada insinuante,
rebolando magia,
rebolando sabedoria.
Sabedoria em terno de linho,
chapéu de palha,
gingando a mais linda,
a mais pura
e ingênua
alegria.
Denise Mello
Enviado por Denise Mello em 23/09/2007
Reeditado em 30/09/2007
Código do texto: T664994

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Vôce deve citar a autoria de Denise Mello). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Mello
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 58 anos
178 textos (8679 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 01:22)
Denise Mello