Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Dia dos Namorados

Quem dera que este dia fosse meu,
E por um momento desfazer a natureza.
Voltar ao tempo e sentir seus beijos,
A pele, o murmúrio e os gemidos.
 
Quem dera fosse eu o autor do amor,
Poderia trazê-la a mim ao invés de iludir-me.
E em noites estreladas iríamos dançar,
Cantarolar, fazer simples o mais difícil.
 
Quem dera entender o simples olhar.
Poderia entrar dentro dele e afagar o coração.
Tento fazer-me na labuta,
Em esquecer o tempo não vivido.
 
Quem dera os dias fossem iguais,
Pelo menos para não lembrar o dia
Em que presentes e amores são trocados,
Em gestos sublimes de amor.
 
Quem dera os dias fossem diferentes.
E essa festa vazia que existe em mim,
Chamasse esperança...
Amando e amado.
TAS
Enviado por TAS em 05/10/2007
Reeditado em 23/04/2012
Código do texto: T681952
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
TAS
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 43 anos
172 textos (6150 leituras)
2 áudios (354 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 03:20)
TAS