Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PROIBIDO

É proibido fingir um sentir que
No peito dói e clama por teu amor
É proibido fingir que esqueceu
Se ainda sente toda aquela dor
A dor da perda, da solidão
Que ficou quando te disse adeus.
Proibo meu coração de continuar a sofrer
Proibo minha mente de em sonhos
Rever teu sorriso gentil
E tua voz a dizer meu nome
De um jeito todo teu..
Proibo minhas sensações 
De ainda sentirem teus braços,
Teu modo de enlaçar-me junto a ti.
Proibo tudo que me faz te recordar
Mas meu coração e minha mente
Recusam-se a obedecer e assim,
Penso todo o tempo nos nossos momentos,
Tão distantes...mas que intensamente vivemos.
naja
Enviado por naja em 23/11/2007
Código do texto: T749504
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
naja
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1207 textos (236338 leituras)
147 áudios (33086 audições)
525 e-livros (50965 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 05:01)
naja