Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A POESIA E EU

Sem a roupa que te mascara
Nua até de todos os propósitos
Invade-me por inteiro, incrédulo,
Fazendo-me um pouco poeta.

Mas poeta irascível e fraco
Que indolente deixa-se dormir.
Tenta nos sonhos da mente
A poesia que se nega mentir.

Pedante mulher mensageira
Minha intima e tola amante
Somos dois escudeiros da sorte
Unidos sem a rima certa.

Um poeta depravado e feio
Uma poesia faceira e notívaga
Dois belos parceiros da morte
Do crepúsculo que os esconde.
Jose Carlos Cavalcante
Enviado por Jose Carlos Cavalcante em 15/05/2006
Reeditado em 15/05/2006
Código do texto: T156683
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jose Carlos Cavalcante
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
730 textos (54083 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:03)
Jose Carlos Cavalcante