Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MARES ETERNAMENTE NAVEGADOS

No alto deste corpo lindo
Sou atraído por grande apelo
Cabelos.

Quero beijar..., cheirar...,
Estes apêndices incendeiam:
Orelhas.

Carnuda, saliente, forte...
Forma divina e louca:
Tua boca.

Ah, que lindo pescoço.
Formosos teus peitos rijos:
Mamilos.

Cavidade interessante...,
Bem no meio... Perigo:
Umbigo.

Da convexidade do púbis,
Uma visão sem igual:
Vulva..., matagal.

Exploração prazerosa,
Sob o mais leve orvalho:
Grandes lábios.

Multiforme botão intumescido...
Será que explode?
Clitóris.
Aroldo Pinheiro
Enviado por Aroldo Pinheiro em 04/06/2006
Código do texto: T169059
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aroldo Pinheiro
Boa Vista - Roraima - Brasil, 62 anos
105 textos (11581 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:16)
Aroldo Pinheiro