Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Profundamente

Profundamente



Suplico a dor
Que vá!
Sem vontade
Permito meus passos.


Diante da força
Se gasta as pétalas
Caem e o vento leva.
Das rosas nem os galhos ficaram.

Seguirei profundamente
Na vasta estrada deserta
Quem um dia por acaso
Descobri ser eu mesma.



... Onde existo que não existo em mim?

Verso do : Mário de Sá Carneiro








Passamos uma vida inteira cometendo erros. Por isso é mais que necessário aprender a ver, adiar um julgamento. Reler um pensamento, não cedendo ao cansaço da repetição.
Findar um julgamento sem dar ao acusado o direito de expor seus pensamentos, tornará o percurso mais simples, mas cheios de corpos mortos por suas rancorosas suposições.
É preciso pensa intensamente nisso, e larga de uma vez por toda, os paradigmas da sociedade do imediatismo, viciada em aderir apenas o que é lhe útil.
Não espere mais as verdade secretas dentro das musicas belas. Não há dor maior do que passar a vida sobre os mistérios de não saber ser.
Mas lembre não deixe a vida passar pra aprender a viver.
A vida é bela, mas passa!
Dar ás cenas principais aos erros é uma forte evidencia de que ainda não se aprendeu a viver.

Jane Krist Coffee


Jane Krist Coffee
Enviado por Jane Krist Coffee em 11/06/2006
Reeditado em 19/06/2006
Código do texto: T173447

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jane Krist Coffee). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jane Krist Coffee
São Paulo - São Paulo - Brasil
504 textos (68062 leituras)
1 e-livros (1205 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/02/17 17:44)
Jane Krist Coffee