Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como labaredas


O destino é uma labareda de fogo
Cheia de espinhos
Que contorna sobre nossas faces
Aniquila vorazmente as perspectivas
Introduz. Suavemente o pessimismo.
E quando quer vai e executa
Em frente a pêndulos
Ou cálices de areia
Aguardamos o despejar das fezes do destino
Fezes aglomeradas com sentimentos
Fezes com traços de personalidades
E que define, em meio a estrondos ocos e inexistentes,
O pretexto de futuro
Para não se olhar diretamente para o presente
Inválido, sem força, mordaz.
 
Ton Dourado
Enviado por Ton Dourado em 22/06/2006
Código do texto: T180160
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ton Dourado
Samambaia - Distrito Federal - Brasil
80 textos (2628 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 03:49)
Ton Dourado