Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHARES

     Vitrais, luz, esmeralda em seus olhos,
     olhares são palavras sutis.
     Sinto saudade de ti aqui,
     por que tu me deixas tão só?
     Sinto você a sorrir,
     lábio grená, um cálice de mel!
     Fui meditar sobre esse amor
     com meus guias,
     ouvir sua sabedoria,
     pra apaziguar a emoção do meu coração,
     quiçá do teu, ambas gêmeas;
     saber se em nossas almas,
     além da pele, queima o cio forte das fêmeas!

     Pensar que em nosso bosque
     escaldam lavas de medo;
     tolo medo, quando se quer com amor;
     e, além do mais, a gente se fala em pensamento,
     todo momento, até sonha que tem o corpo acariciado
     em bálsamos, tontos beijos e ateia fogo à imaginação!

     Conto real, tanto desejo, ilusão;
     aroma de fruta pura,
     broto se abrindo em paixão!

       (Tony Guedes)
Tony Guedes
Enviado por Tony Guedes em 30/06/2006
Reeditado em 04/07/2006
Código do texto: T185130
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tony Guedes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
71 textos (2507 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:07)