Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poemei

Poetei - às asas azuis das araras
Cantei - num canto seu canto avesso
Rimei - às celas amarelas das selas
Inventei - a ultima forma, das formas
E vi: A poesia de dia, em dia - tardia

às araras azuis minhas asas poetaram
avesso num canto cantei o teu canto
e as celas rimaram tais amarelas selas
ultima forma! na invensão de formas
E Vês: ainda tardia, de dia, a poesia...
Silva Neto
Enviado por Silva Neto em 30/07/2006
Reeditado em 30/07/2006
Código do texto: T205243
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Silva Neto
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 43 anos
117 textos (33531 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 06:55)
Silva Neto