Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Rotas Intraduzíveis

Rotas intraduzíveis




O que é que eu posso fazer
Não consigo mais ver as estrelas.
Nenhuma delas encontro.
Mudo o ângulo tento uma outra estação
E me relembro das tardes de verão.


O que é que faz
Quando na vida
A razão não existe mais?

Se a liberdade tem preço,
Por que ninguém meu
Dinheiro quer aceitar,
Nem os malabaristas no sinal fechado?


Tranqüilidade está lá fora no terraço
Fingindo que não me conhece
E nem ao meu oi e como vai, responde.

Encontro a forte nevoa fria,
Sem trilhos me uno á ela.
Partindo sem malas
Á universos que talvez me caibam.






...Talvez meu dinheiro seja do século passado, talvez em alguma primavera minha luz apagou e  minha nostalgia não me deixou ver. Talvez no momento exato eu largue o peso que me afunda, na hora que talvez à noite me encontre entre os cantos que nunca aprendi...



Profundamente de ouvidos atentos ao som que segue. (a canção é um dos melhores teatros)



Jane Krist


Nenhum de Nós.


(...)A lua inteira agora é um manto negro
O fim das vozes no meu rádio
São quatro ciclos no escuro deserto do céu
Quero um machado pra quebrar o gelo
Quero acordar do sonho agora mesmo
Quero uma chance de tentar viver sem dor(...)
Jane Krist Coffee
Enviado por Jane Krist Coffee em 07/08/2006
Reeditado em 13/08/2006
Código do texto: T210946

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jane Krist Coffee). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Jane Krist Coffee
São Paulo - São Paulo - Brasil
503 textos (67754 leituras)
1 e-livros (1205 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 10:13)
Jane Krist Coffee