Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Queda

Sensações...

A retenção dos passos aproximou-me do início.
Um sinal açambarcou meu curto destino entre os últimos instantes.
Nunca fazendo, de mim, um ser entre os mais distantes,
desses que vivem cambaleantes,
empurrando a navalha contra o fio do indício.

Mesmo assim eu vivo.
Chamei a redundância de “absurda”.
Que venham os canhões.
Sou um inseto introspectivo.
Arranquei minhas unhas arranhando os paredões.

O prego.
A ferrugem.
O olho.
A queda.
No olho... Bem no olho...
O choro.
Sem socorro.
No chão.
Prego no olho.
Prego no olho!
Olha! Prego no olho!
Retina descola...

Sem resposta.
Rafael S Valle
Enviado por Rafael S Valle em 18/10/2006
Código do texto: T267146
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Rafael S Valle
Angra dos Reis - Rio de Janeiro - Brasil
176 textos (5034 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:17)
Rafael S Valle