Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O estupro

Era só um verbo
que se fez carne
carne gris
agora mijada, cuspida
rasgada
Salmão frito beira-estrada
No açougue do Seu Cruz,
de mão lavadas,
quem comeu
da minha carne
vive em mim
Beberam do sangue menstruado
escorrido das pernas
das virgens da consolação.
Fabiano Vale
Enviado por Fabiano Vale em 29/08/2005
Reeditado em 02/09/2005
Código do texto: T46048
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabiano Vale
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil
116 textos (13323 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:07)