Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Imaginarium

Não sinto o tempo passar
Mas sinto que ele me consome.
Fome
Que tenho de tudo que não posso
Desejo
De ter tudo e não poder ter nada
Vontade
De esquecer de tudo que existe.

De tudo tenho um pouco
Pouco tenho de tudo que não existe
Não existe nada além de tudo
Que é verdade
Mas o que é verdade?
Verdade é tudo aquilo que se conta
E que tenha um fundamento realista
O que é realidade?
Realidade é você acordar e saber
Que não está sonhando
Por que os sonhos?
Sonhos para aliviar-nos do pesadelo
Da realidade
Mas pesadelos são sonhos.
Que pesadelo é esse que tanto nos tormenta
A ponto de ter que sonharmos
Para relaxar_, mas qual será o pior pesadelo:
O da realidade ou da surrealidade?
Da realidade, pois não há como acordarmos
E dizermos que estávamos sonhando.
E quando o pesadelo vira realidade
Ou a realidade vira pesadelo?
Mas os dois não são as mesmas coisas?

Já estou cansado desta realidade
Não tem pra onde fugir
Se dormir o pesadelo virá
Que dilema!

03/10/01
Miguel Rodrigues
Enviado por Miguel Rodrigues em 13/09/2005
Código do texto: T50244
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Miguel Rodrigues
Barueri - São Paulo - Brasil, 33 anos
1434 textos (42679 leituras)
6 e-livros (1681 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:45)
Miguel Rodrigues