Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ASAS

Eu carrego nas asas
Meus dias
Minhas noites
Meus sóis
Minhas sombras
Meu mundo
Minhas pessoas
Meus sonhos
Meus medos.
Ás vezes acho meu fardo pesado demais...
Mas dizem que nos é dado àquilo que pudemos suportar.
Sinto-me pequena
Diante de tudo que carrego
E suporto
Muitas vezes calada
Sozinha
Assustada.
Mas mesmo assim insisto em voar
E levo adiante meu destino.
Vou com elas.
Duas.
Nunca três ou cinco.
Sempre duas.
Sempre irmanadas e companheiras.
Sempre aliadas e cúmplices de vôo.
Asas...
Não são elas os maiores convites a sonhar?
A pensar? A voar?
Vou onde meu pensamento me levar.
Se elas me foram dadas
É um desperdício não voar e arriscar.
Sou uma criatura alada das alturas...
Uma criatura liberada.
Vou me atirar no precipício da imaginação
E acreditar que ser o que sou
Me levará as alturas.

Ká Butterfly
22.08.05


Carolina Salcides
Enviado por Carolina Salcides em 04/10/2005
Reeditado em 23/09/2007
Código do texto: T56492
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carolina Salcides
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 36 anos
133 textos (51291 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 03:06)
Carolina Salcides