Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PLANETA SOLITÁRIO

No cosmo um chuvisco prateado, este globo sacana pendurado,
Num espaço medonho e escuro, nesta tal gravidade sustentada.

Estes sonho de rasuras e fantasias, de uma nave moribunda e reluzente,
Tem um mosntro se matando na priguiça com foguetes de brinquedo dos estadistas.

Esta mae que sutenta o absurdo, de parabolas insanas da ciencia,
Num martelo quebradiço da conquista, se esparrama a vontade e a cobiça.

Este vulto que nao vemos no universo, sem cabeça e sem materia se estrumbica,
muitos mitos se esfarelam na discrepancia, outros bichos nos aproximam da infancia.
Gueko
Enviado por Gueko em 03/10/2007
Código do texto: T679123

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gueko
São Mateus - Espírito Santo - Brasil, 51 anos
810 textos (33914 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 17:54)
Gueko