Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 

Auto Retrato 

 

Sou

para mim

 

Como o suor que jorra

para fora da pele

o sal

como o vento que varre

para longe das lembranças

a infância 

como o tempo que constrói

para compor a vida

as distâncias 

como a noite que acolhe

para si sem restrições

o bandido e a esperança...

 

sou

para mim

 

um tapete de pétalas vermelhas

estendido sobre as  areias de um decerto

de incertezas

 

sou

para mim

 

um rio de águas ralas

descendo por entre os vales exprimidos

no pensamento

 

sou

para mim

uma viagem só de ida

para fora de mim...

ULISSES de ABREU
Enviado por ULISSES de ABREU em 11/10/2007
Reeditado em 11/10/2007
Código do texto: T690266

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite nome do autor e endereço para o site). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ULISSES de ABREU
Viçosa - Minas Gerais - Brasil
608 textos (207603 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 09:04)
ULISSES de ABREU