Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SONHO


                                        SONHO



                 Sonho… qual estrela cadente,
                 Surge perto do despertar,
                 Com exposição pouco coerente,
                 E cujo conteúdo, permite recordar.

                 Sonha-se com doença, tristeza e morte
                 Destes não gostamos de lembrar,
                 Sonha-se com saúde, alegria e sorte
                 Ah, destes sentimos prazer em relatar.

                 Sonhar de olhos bem fechados,
                 Pode conduzir-nos à utopia,
                 Quase sempre seremos enganados,
                 Porque quase tudo, nele é fantasia.

                 Há noites que o sonho se solta e vagueia
                 E há sonhos que melhor era nem tê-los
                 Porque inflama o espírito… o incendeia,
                 Qual fogo, em floresta de pesadelos.

                 Se se pudesse só sonhar
                 Com paz, justiça e amor
                 Não exitaria em decretar:
                 Morra o sonho com dor.
Povo Lusitano
Enviado por Povo Lusitano em 06/11/2007
Código do texto: T726116

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Povo Lusitano
Portugal, 61 anos
311 textos (24317 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 06:54)
Povo Lusitano