Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Casa Do Sol Nascente

Eu tenho aberto a minha mente
Com essas coisas do Oriente
Pérolas, lantejoulas, papoulas
Mil tapetes voadores não identificados
Que sobrevoam os arabescos celestiais
Elefantes me levam além da trilha mística
Em viagens cósmicas aos romances astrais

Eu tenho plantado as sementes
Das idéias que vêm do Oriente
Iogues, faquires, avatares
Mil e uma noites nos desertos e jângales
Matérias divinas em essências naturais
Cítaras que entoam uma canção ascética
De dádivas sublimes nos retiros espirituais

A casa do sol nascente
Está erguida lá no Oriente
Não preciso sentir o que meu corpo sente
Para abrir a minha mente
Paulo Antonio Barreto Junior
Enviado por Paulo Antonio Barreto Junior em 09/11/2007
Código do texto: T729801
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Antonio Barreto Junior
Salvador - Bahia - Brasil, 46 anos
417 textos (6204 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 18:58)