Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cirrose

(minhas "poesias" são como letras de música)

Você podia me torturar
Mas agora não mais
Seus olhos não te guiaram
Eu não volto mais atrás

Naftalina
Ego e hipocrisia
Naftalina
Ego e hipocrisia

Você só sabe atacar
Não sabe se defender
Eu não preciso viver
Nesta merda por você

Você não devia esvaziar sua garganta
Pra fazer os outros sentirem pena
E pra reclamar apenas
Você devia se encher
Para tomar uma atitude
Por mim e por você

Os brinquedos brincam da brincadeira de brinquedo
Você nunca sabe o que é o que tanto eu almejo
aark cianwood
Enviado por aark cianwood em 29/01/2006
Código do texto: T105427
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
aark cianwood
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 27 anos
18 textos (499 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:19)
aark cianwood