Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Criança



Eu pretendo ver o que nunca quis ter
eu devia cansar andando tanto assim
eu sento na escada, os outros pedem licença
e eu levanto e sigo caminhando

vejo sons e folhas passeando pelo vento
e sento outra vez pra ver o pôr-do-sol
tem uma crianca brincando de fazer castelho de areia
que a onda desfaz de repente

não chore não, anjo
o castelo está dentro de você
não chore não
a sua mão faz quantos quiser

a criança sorri e para de chorar
e constroi outro castelo mais belo ainda

e eu caminho agora molhando os pés
e sentindo a brisa molhar meu rosto

a criança pula em minhas costas
e brincamos na areia sorrindo
e agora sou eu que choro

Eder Carneiro Cardoso e Silva
Enviado por Eder Carneiro Cardoso e Silva em 02/03/2006
Reeditado em 03/03/2006
Código do texto: T117685
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Eder Carneiro Cardoso e Silva
Conceição do Coité - Bahia - Brasil, 33 anos
54 textos (2898 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 23:04)
Eder Carneiro Cardoso e Silva